A importância do Engajamento nas Redes Sociais

Você com certeza já ouviu falar sobre a importância da criação de conteúdo segmentado para redes sociais, inbound marketing, storytelling.

Tudo isso contribui para que seja estabelecido um diálogo entre público potencial e fãs da marca. Popularmente conhecido como “engajamento”, ele pode proporcionar além de maior conhecimento sobre a empresa (“awareness”) e ainda contribuir para uma percepção positiva sobre ela (o que na publicidade chamamos de “branding”).

Cada empresa tem sua história e sua maneira de contá-la. Mas como fazer isso? Como criar esta empatia com quem acabou de curtir a página de sua empresa no facebook?

No post de hoje daremos alguns caminhos e citaremos alguns tipos de publicações que geram interação nas redes sociais.

1) Faça Citações: Vale lembrar que elas tem que ter o mínimo de diálogo com o que a marca atende e por quais valores ela quer transparecer. Daí que entra o valor de construir uma brand persona forte, relevante e agregadora.

2) Crie Conversas: Perguntas engajam naturalmente, na era da comunicação 4.0, a interatividade é a palavra do momento.

3) Dependendo da persona da marca, memes podem cair bem. Mas cuidado, isso tem que se adequar a flexibilidade e público alvo.

4) Dicas sempre geram diálogo e questionamentos. Todo mundo quer participar e se o consumidor sentir que pode contar com uma marca “amigável”, ela ganha confiança para futuramente vender algo.

5) Imagens bonitas. Pode parecer clichê mas elas chamam a atenção e são seu cartão de visitas. No mundo dos negócios, a primeira impressão é a que importa.

Uma resolução baixa, foto tremida, ou produto deteriorado podem contribuir para uma experiência negativa. Em um mundo a cada dia mais visual, um erro pode ser fatal. O pilar inspiracional cria uma percepção relevante e deve ser trabalhado em todas suas postagens.

6) Faça Vídeos e Lives. A aproximação com seu público e provar que você é autoridade de causa, faz toda a diferença. Além de melhorar o alcance orgânico e proporcionar compartilhamentos, ainda ganha relevância nos algoritmos do facebook.

7) Horários! Observar os horários em que os posts podem performar melhor é um exercício mas claro tem que ficar ligado no comportamento do seu público. Faça um estudo também em relação ao que funciona e o que passa despercebido.

8) Invista em Call-To- Actions: Clicar num link externo ou citações a artigos podem mostrar que você além de ser autoridade de causa, ainda exercita a experiência do usuário. Gerando assim engajamento, seja em likes, como em compartilhamentos. Mostre como o diálogo não acaba ali!

9) Storytelling e Inbound Marketing: Crie histórias que conversem com a identidade da marca.
Como a marca quer ser notada e como pretende crescer ao lado de quem compartilha de seus valores e vivências.
Uma comunicação integrada faz toda a diferença na experiência do potencial consumidor. O segredo está em mixar conteúdos que contemplem antigos fãs da marca, sem esquecer dos novos e potenciais.

10) Patrocine conteúdos relevantes. Podem ser promoções, dicas, conteúdos de blog próprio que gerem engajamento, ou passem uma visão da marca sobre seu segmento, podem favorecer não só a imagem mas como converter em vendas.

Lembre-se você cria conteúdo não apenas para quem te conhece mas para quem devia conhecer você e talvez ainda não saiba sobre sua existência, expertise e história. Sua jornada está em eterna construção!

Deixe uma resposta